Gostaria de iniciar o texto com algumas provocações: o que é comunicação e marketing para você, pequeno e médio empresário? Qual é o grau de relevância que você dá a estes quesitos em seu negócio? Você acha que o marketing é trabalhado de maneira pontual ou a longo prazo?

Na minha experiência diária vejo como existe uma visão equivocada a respeito do que é Comunicação e Marketing e como deve ser utilizada em empresas de médio e pequeno porte.

Explicando o que é marketing

Marketing é uma atividade que se desenvolve a médio e longo prazo, visando unir satisfatoriamente as duas pontas de um processo de venda: saber do público alvo da empresa o que ele espera a respeito do serviço/ bem/ ideia oferecidos; e verificar se o processo de produção da empresa satisfaz este consumidor, analisando cada etapa e promovendo as mudanças necessárias para alinhar o que é oferecido com os anseios do público alvo. Portanto Marketing se desenvolve desde a pré-venda até a pós-venda de um produto ou serviço.

O profissional de Marketing trabalha a partir da idealização do produto, e estende suas ações muito além da venda dos mesmos. Dentro do processo de Marketing, fazem parte a Comunicação e a Propaganda, mas estes são apenas componentes do processo, e não o processo de Marketing em si.

Como a comunicação e o marketing auxiliam as pequenas e médias empresas

Existe uma visão equivocada por parte de muitas empresas de pequeno e médio porte, de que o investimento em Marketing e Comunicação é algo supérfluo. Os empreendedores deste nicho de mercado entendem que devem focar todos os seus recursos na produção e na venda, e relegam para terceiro ou quarto plano a investigação do potencial de venda do produto ou o fortalecimento da marca no mercado. Ou seja: como dizem os antigos, colocam a carroça na frente dos bois. Não é de se admirar que quase 40% das pequenas e médias empresas, segundo pesquisa do SEBRAE, não passem do segundo ano de vida, e praticamente 60% delas sobrevivam até o quinto ano de negócio.

Dentro do plano de negócios de uma empresa é fundamental que haja um percentual do investimento direcionado para a comunicação do Marketing. A partir do início, contar com um profissional da área para orientar a estruturação da empresa no mercado será imensamente mais vantajoso do que tentar bancar sozinho o “faz tudo” em áreas das quais o empreendedor não tem conhecimento. Empreendedores que iniciam sua trajetória investindo ainda que minimamente em comunicação, e consequentemente com uma visão mais ampliada do Marketing  conseguem obter credibilidade e força no mercado, pois demonstram estar comprometidos com a empresa e com o cliente.

O empreendedor que trabalha sozinho gasta seu tempo e seu dinheiro em ações pontuais (por exemplo: turbinar vendas em dias de mães, páscoa, natal, dar um mega-desconto para pagar ao menos o custo do produto, criar um site por conta própria que não tem visibilidade…), e acaba por desanimar com os resultados desastrosos.

O empreendedor que conta com um suporte adequado em Comunicação e Marketing consegue trabalhar desde o início com a consolidação da marca da empresa no mercado, direcionando corretamente para o público alvo, interagindo e obtendo feedbacks necessários para alterar ou implementar em tempo real pequenas ações que aumentarão não só as vendas, mas a fidelização de clientes e a geração de novos através de um bom relacionamento e networking.

É importante lembrar sempre que o empreendedor é um líder, e um bom líder não é aquele que sabe fazer tudo, mas sim aquele que sabe definir quais são as estratégias necessárias e sabe delegá-las na mão de colaboradores eficientes.

 Até a próxima!